Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Vereadores de Petrolina e representantes de movimentos sociais participam da 1ª Audiência Pública sobre direitos humanos

Discussão foi proposta pelo vereador Gilmar Santos (Foto: Blog Waldiney Passos)

A Câmara de Vereadores de Petrolina registrou um bom público na manhã dessa sexta-feira (30) quando foi realizada a primeira Audiência Pública sobre direitos humanos. Proposto pelo Mandato Coletivo de Gilmar Santos (PT), o encontro reuniu colegas da Casa Plínio Amorim, representantes de movimentos sociais e de órgãos públicos, como Prefeitura de Petrolina e Defensoria Pública.

Na abertura crianças do Núcleo de Arte e Educação Nego D’Água (NAENDA), em Juazeiro, fizeram uma apresentação cultural. As meninas e meninos são moradores do bairro Quidé e participam da atividades culturais e educacionais no núcleo.

Representante do NAENDA, Ildivan Lima comentou sobre as atividades desenvolvidas no Quidé. “O que o NAENDA é para a comunidade do Quiser, uma comunidade periférica, predominará por negros e desde 2003 nós estamos trabalhando com arte-educação”, trazendo aquilo que o sistema renegou a nossa comunidade“, disse.

Crianças do NAENDA participam de projetos educacionais e culturais (Foto: Blog Waldiney Passos)

Autor do Requerimento para a realização da audiência, Gilmar Santos falou em seguida e destacou a relevância da presença dos jovens no encontro. “É de salutar esse momento que vem culminar o Novembro Negro, mês dedicado à valorização da nossa contribuição para a história desse país”, afirmou o edil

O defensor público de Petrolina, William Michael comentou sobre o papel do órgão na manutenção dos direitos dos mais carentes. “A defensoria pública vista justamente que aqueles direitos que estão consagrados sejam assegurados, principalmente a população carente”, comentou.

A Prefeitura de Petrolina também participou da audiência com o secretário-executivo de Cultura, Cássio Lucena e a secretária-executiva de Juventude e Direitos Humanos, Bruna Ruana que destacou as ações do Executivo nesse setor. “Enquanto secretaria-executiva estamos igualitárias em cargos de gestão, a gente tem caminhado e reconhece a importância de buscar a autonomia [das mulheres]”, concluiu.

Pelo Poder Legislativo marcaram presença apenas os vereadores Cristina Costa (PT), Paulo Valgueiro (MDB), Osinaldo Souza (PTB) e Zenildo Nunes (PSB), além de Gilmar. Maria Elena de Alencar (PRTB) justificou sua ausência.

Deixe uma resposta