“Tenho o desprazer de ter você como colega de partido”, dispara Gabriel sobre Alvorlande

Vereadores trocaram farpas durante a sessão desta terça.

Após o embate com o vereador Alvorlande Cruz, Gabriel Menezes rebateu o discurso do colega de legenda – ambos são do Partido Social Liberal (PSL) – e afirmou que não preza pelo parlamentar. Os vereadores entraram em um embate após a apresentação de um requerimento a respeito da Avenida Sete de Setembro de autoria de Gabriel.

LEIA TAMBÉM

Requerimento sobre Avenida Sete de Setembro gera embate entre Gabriel Menezes e Alvorlande Cruz

Em um determinado momento, Alvorlande falou citou a decisão de Gabriel de ser contra a reeleição. Em resposta, Gabriel reafirmou seu posicionamento, disse estar de passagem em sua cadeira de vereador e disparou contra Alvorlande.

LEIA MAIS

Requerimento sobre Avenida Sete de Setembro gera embate entre Gabriel Menezes e Alvorlande Cruz

Vereadores protagonizaram embate na Casa nesta terça.

Durante a sessão desta terça-feira (10) na Câmara Municipal de Petrolina, os vereadores Gabriel Menezes (PSL) e Alvorlande Cruz (PSL) protagonizaram um embate após a apresentação de um requerimento a respeito da duplicação da Avenida da Sete de Setembro, de autoria de Gabriel.

O requerimento n. 418/2019, que pode ser acessado clicando aqui, solicitava que o prefeito Miguel Coelho que envidasse esforços junto ao Governo Federal, através do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), para corrigir “falhas na execução da duplicação da Avenida Sete de Setembro”.

“Eu quero dizer ao prefeito, quando quiser colocar alguém para dar de testa, coloque alguém mais qualificado. Vossa Excelência vem falar em engenharias. Das engenharias que você está acostumado a fazer eu quero é distância. Eu entrei pela porta da frente, eleito, de cabeça erguida. Prefeito Miguel Coelho, coloque alguém que a gente tenha gosto de ir para o embate, Alvorlande não, faça esse favor”, disse Gabriel.

LEIA MAIS

Bancada de Oposição de Petrolina pede investigação administrativa de policiais envolvidos em ação no Rio Corrente

Vereadores prestaram apoio a Gilmar Santos (Foto: Ascom)

Os vereadores da Oposição de Petrolina emitiram uma nota em solidariedade ao companheiro de bancada, Gilmar Santos (PT), que foi parar na delegacia depois de uma abordagem policial no bairro Rio Corrente. O Blog mostrou mais cedo o fato, bem como a versão da Polícia Militar de Pernambuco.

Em nota, os membros da Oposição – Cristina Costa (PT), Elismar Gonçalves (MDB), Gabriel Menezes (PSL) e Paulo Valgueiro (MDB) – lamentaram o fato e se mostraram indignados. “Solicitamos que haja uma investigação administrativa para avaliar a conduta profissional dos policiais envolvidos”, lembrou o grupo.

LEIA TAMBÉM:

Gilmar Santos critica truculência de policiais; PM rebate e diz que agentes foram agredidos

Vereador Gilmar Santos diz ter sido detido por reagir a violência policial

“Também aproveitamos para ratificar a nossa confiança nos órgãos de segurança e lamentamos que casos como estes ocorram na nossa cidade”, conclui a nota. Leia a seguir o texto assinado pelos vereadores:

LEIA MAIS

Gabriel Menezes pede mais segurança na obra da Estrada da Banana

Vereador pediu uma ponte com condições de segurança aos pedestres (Foto: Ascom)

O vereador Gabriel Menezes (PSL) endossou o pedido da comunidade do Antônio Cassimiro e bairros vizinhos. Na sessão dessa terça-feira (19) o edil pediu mais atenção da Prefeitura e da empresa que realiza a obra de duplicação na Estrada da Banana para que facilite o acesso dos pedestres.

“Peço que seja instalada uma passarela temporária naquela ponte da Estrada da Banana. Populares improvisaram, botaram uma tábua sobre o canal onde a ponte está sendo construída”, justificou o edil.

Segundo Gabriel, no local, há um risco muito grande para os pedestres e isso pode ser solucionado com um simples serviço da construtora. “O risco que as pessoas estão correndo para atravessar. A obra é importante, mas não custa nada para a construtora colocar pelo menos uma passarela com corrimão”.

Por fim, o edil também reforçou a cobrança para recuperação no desvio, que nós mostramos hoje. “Ainda foi indicado um desvio e a buraqueira está parecendo as estradas do interior. É preciso que se faça um aterro”, finalizou.

Gabriel Menezes pede recuperação de cata-vento na zona rural e faz sugestão à Prefeitura de Petrolina

Vereador cobra serviço com urgência na zona rural (Foto: Blog Waldiney Passos)

Gabriel Menezes (PSL) solicitou à Prefeitura de Petrolina e à Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) para recuperar, em caráter de urgência, o cata-vento do poço artesiano localizado no Sítio Santo Antônio, na margem da estrada de ligação ao Distrito de Rajada.

LEIA TAMBÉM:

Gabriel Menezes comenta situação de Lóssio e anuncia ida para Avante em 2020

“Os animais estão morrendo de sede, as pessoas precisam desse cata-vento. Sugerimos que um kit solar fosse instalado. O Governo municipal precisa ampliar a instalação desses kits solares. Tem época que o tempo está parado, agora sol nós temos abundantemente”, justificou no Plenário.

No mesmo pedido, o vereador ressaltou a importância do kit solar. “Que se fosse analisada a instalação de um kit solar. Mesmo quando não se tem vento nessa região e o cata-vento não consegue puxar água, nós temos sol em abundância. O kit solar resolveria esse problema“, disse. O pedido foi aprovado por 20×0 e segue para análise do prefeito Miguel Coelho.

Gabriel Menezes comenta situação de Lóssio e anuncia ida para Avante em 2020

Vereador anunciou novo partido e comentou situação de Lóssio (Foto: Wanderley Alves/Petrolina em Destaque)

O vereador Gabriel Menezes (PSL), que já foi aliado do ex-prefeito de Petrolina, Julio Lóssio, comentou a decisão da Justiça de sequestrar bens do ex-gestor. Em coletiva na manhã dessa terça-feira (5), na Câmara de Vereadores, o parlamentar afirmou que a Justiça é para todos.

LEIA TAMBÉM:

“Recebo a notícia com muita tranquilidade”, diz nota após Julio Lossio virar réu na Justiça Federal

São João do Vale: Justiça Federal acata denúncia do MPF e Julio Lossio tem bens sequestrados

“A Justiça tem que trabalhar. A Justiça é para todos, mais cedo ou mais tarde ela vem aos olhos da sociedade. Ninguém está acima da lei. Que Julio se defenda, como Fernando [Bezerra] tem o direito de se defender“, citou lembrando dos casos relacionados ao senador da República e líder do Governo.

Questionado sobre seu futuro político, já que durante a campanha passada ele apoiou o presidente da República, Jair Bolsonaro (PSL), Gabriel anunciou sua saída da sigla. “Vou ao Avante, se Deus quiser. Em abril a gente se filia”.

Gabriel Menezes volta a denunciar problemas no Posto de Saúde do Maria Tereza; Governistas reagem

Saúde no interior de Petrolina voltou a ser tema de discussão (Foto: Jean Brito/Ascom CMP)

Os problemas no Posto de Saúde do Projeto Maria Tereza, no interior de Petrolina voltaram a Câmara de Vereadores na sessão de terça-feira (29). Gabriel Menezes (PSL) que já havia divulgado um vídeo em suas redes sociais voltou a denunciar a falta de médicos e número insuficiente de fichas disponibilizadas.

“Nós sempre denunciamos a falta de médico, a falta de profissional seja ele de qualquer especialidade, sempre denunciamos que as fichas são insuficientes. As pessoas por necessidade e não como a secretária falou, as pessoas vão dormir [na fila] pra arriscar pegar uma ficha. Quando foi ontem colocaram um vigia 16h da tarde pra evitar que a ficha se formasse. Os babões remunerados foram lá fazer uma farra de ficha e para tentar maquiar a situação, enviaram duas unidades odontológicas, inclusive a TV foi lá”, afirmou o edil da Oposição.

Bancada governista reage

Durante a fala de Gabriel, o líder da Situação, Aero Cruz (PSB) tentou evitar a fala afirmando que o tempo cedido era para justificativa das Indicações e Requerimentos. Contudo, conforme o presidente da Câmara lembrou, o momento já era direcionado ao Pedido de Ordem dos edis.

LEIA MAIS

Osório rebate crítica de Gabriel: “Não tem um projeto que venha trazer benefício à sociedade”

Osório rebateu fala de Gabriel sobre saúde na zona rural de Petrolina

O clima entre o presidente da Câmara de Vereadores de Petrolina, Osório Siqueira (PSB) e Gabriel Menezes (PSL) esquentou na sessão da última quinta-feira (17). Osório chamou o colega de “mau educado” e criticou a postura de Gabriel em ser agressivo nas sessões.

LEIA TAMBÉM:

Presidente do PSL em Pernambuco reafirma que Gabriel Menezes tem apoio do partido na candidatura a prefeito de Petrolina

O comentário de Osório veio após o vereador da Oposição criticar os serviços de saúde na zona rural e mencionar um reduto do presidente da Casa. “Quero convidar a secretária [de Saúde] e o prefeito, os vereadores que se dizem vereadores da Saúde para irmos juntos madrugar com idosos, gestantes e mães com crianças pequenas nas filas das Unidades de Saúde das áreas irrigadas, como exemplo fo N5 que é seu reduto, presidente Osório para vermos tanta gente arriscando por insuficientes fichas. Chega de incompetência, cadê os médicos que passaram no concurso?”, afirmou Gabriel.

LEIA MAIS

Dia do Professor é marcado por homenagens na Câmara de Vereadores de Petrolina

Terça-feira foi de homenagens na Casa Plínio Amorim (Foto: Jean Brito/CMP)

Pela primeira vez a Câmara de Vereadores de Petrolina realizou a entrega da Medalha de Honra ao Mérito Educacional Professora Isabel Cristina, homenagem instituída através de um projeto de Decreto Legislativo aprovado pelos edis no ano passado.

De autoria da vereadora Cristina Costa (PT), a Medalha faz uma honraria dupla: lembra o legado da deputada estadual Isabel Cristina e celebra os mestres que inspiram a população petrolinense. Ontem (15), no Dia do Professor, mais de 50 docentes receberam a Medalha.

Edis também foram lembrados

Da rede estadual à privada, cada vereador escolheu dois professores para receber a medalha. Houve também uma lembrança aos edis Cristina e Gilmar Santos, ambos petistas e que também são educadores. Eles foram laureados pelo companheiro de bancada, Gabriel Menezes (PSL).

Eterna deputada

Um dos momentos mais marcantes foi o discurso da sobrinha da ex-deputada, Isabela Oliveira. “É como muita honra que venho aqui representar aqui a família Oliveira e minha tia, a mulher extraordinária que foi. A preocupação com o próximo sempre fez parte da vida da minha tia que veio de origem pobres e que fez da educação, exemplo de transformação de sua vida e levou esse legado por toda a vida. Tia Pituca, como costumávamos chamá-la, sempre nos incentivou a seguir no caminho da educação. Os estudos sempre fizeram parte da vida dela. Nada melhor que fosse homenageada com uma medalha de honra ao mérito educacional”, disse em sua fala.

Presidente do PSL em Pernambuco reafirma que Gabriel Menezes tem apoio do partido na candidatura a prefeito de Petrolina

Gabriel tem apoio do PSL para eleições em 2020, afirma Amaral (Foto: Reprodução/Facebook)

Se depender do presidente do PSL em Pernambuco, Marcos Amaral, Gabriel Menezes não sairá do partido e deve ser o candidato da sigla à Prefeitura de Petrolina em 2020. Amaral reafirmou apoio ao vereador nessa quinta-feira (10), durante uma entrevista na Rádio Jornal, no programa Super Manhã com Waldiney Passos

“Quem tem que decidir a permanência no PSL ou não é o Gabriel. Até 4 de abril ele é vereador do PSL. Não vejo a menor razão para ficar conversando isso, Gabriel é o nosso candidato prioritariamente. O PSL, por determinação do presidente Luciano Bivar, terá candidaturas nas principais cidades do Brasil, entre elas Petrolina”, destacou.

Cenário político em Petrolina

Ainda segundo Amaral, é normal Gabriel ser cortejado por outros partidos, contudo, o edil tem total apoio de Bivar e “será o nosso candidato a prefeito em Petrolina”. Dessa forma, uma aproximação do PSL com o grupo Coelho não afetaria na nomeação de Menezes.

“O próprio Luciano insiste que o Gabriel será o candidato dele. Tem quase um ano que essas especulações correm soltas em Petrolina. O Gabriel Menezes sabe que eu concordo com o nosso presidente e é praticamente impossível mudar de posição“, concluiu Amaral.

Gabriel Menezes afirma que é pré-candidato a prefeito independente de partido

Vereador Gabriel Menezes – PSL. (Foto: Blog Waldiney Passos)

O vereador Gabriel Menezes (PSL) confirmou, durante a sessão desta quinta-feira (3), na Câmara Municipal de Petrolina, que pretende mesmo disputar a prefeitura de Petrolina no ano que vem.

“Hoje eu tenho quatro partidos interessados em viabilizar nossa candidatura”, afirmou. Gabriel acredita que dificilmente o senador Fernando Bezerra consiga interferir no PSL e, portanto, não descarta uma possível candidatura até mesmo pela legenda.

Petrolina: Oposição apresentará novo Requerimento que deve gerar polêmica na sessão dessa quinta-feira

Sessão deve ser marcada por polêmicas (Foto: Blog Waldiney Passos)

A quinta-feira (26) na Casa Plínio Amorim promete ser novamente de clima quente. Assim como na terça-feira (24), os vereadores da Oposição vão apresentar um Requerimento pedindo informações à Prefeitura de Petrolina acerca da investigação da Operação Lava-Jato contra o senador Fernando Bezerra Coelho (MDB).

O Requerimento n° 300/2019 tem como autores Gabriel Menezes (PSL), Gilmar Santos (PT) e Paulo Valgueiro (MDB) e “esclarecimentos acerca das graves denúncias amplamente divulgadas” onde cita-se uma “possível contratação dessas empresas pela Prefeitura de Petrolina na gestão do atual Prefeito para pagamento de empréstimos ilegais”.

Esse mesmo pedido, mas com nome do vereador Elismar Gonçalves (MDB) foi derrubado por 16×4 na sessão da última terça, depois de um longo e acalorado debate. Na pauta também constam três projetos de Lei do Legislativo para votação. Eles propõem a entrega de Medalhas e Título de Cidadão Petrolinense.

Após longo debate, Câmara derruba Requerimentos da Oposição

Vereadores discutiram Requerimentos da Oposição (Foto: Blog Waldiney Passos)

A votação dos projetos de Lei que estavam na pauta na sessão dessa terça-feira (24) foram escanteados para os vereadores de Petrolina discutirem dois Requerimentos apresentados pela Bancada de Oposição. Gilmar Santos (PT) solicitou a realização de uma audiência pública para debater a regularização fundiária no município.

Líder da bancada, Paulo Valgueiro (MDB) pediu informações ao prefeito Miguel Coelho sobre as empresas contratadas pela Prefeitura que estão sendo investigadas na Operação Lava Jato, citadas após a nova investigação contra o senador Fernando Bezerra Coelho (MDB) e o deputado federal Fernando Filho (DEM).

Os Requerimentos foram votados em destaque a pedido da Situação, que recebeu críticas dos colegas opositores. Gabriel Menezes (PSL) citou a necessidade de realizar uma CPI da Agiotagem e questionou os investimentos em Petrolina. “Pra fazer a pavimentação tem que estar pedindo empréstimo?”, questionou o edil.

Autor de um dos pedidos, Gilmar criticou a postura dos vereadores governistas pela “forma que essa Casa trata os pedidos de audiência pública sobre interesses do povo”. Ronaldo Souza, o Ronaldo Cancão (PTB) condenou as duas solicitações.

“Vou contra o Requerimento que já foram entregues 5 mil escrituras e por prudência, é necessário embasamento político no pedido”, justificou Cancão. Já Maria Elena de Alencar (PRTB) disse que os pedidos, em especial o de Valgueiro, é “maldoso”.

Depois de quase duas horas de discussão, os Requerimentos foram derrubados por 14×6 (de Gilmar Santos) e por 16×4 (Valgueiro). Agora estão sendo votados os projetos de Medalha e Título de Cidadão Petrolinense.

Vereadores de Petrolina analisam seis projetos na sessão dessa terça-feira

Todas as matérias são do Legislativo (Foto: Blog Waldiney Passos)

Seis projetos estão na pauta da sessão dessa terça-feira (24) na Câmara de Vereadores de Petrolina. Todos são do Legislativo e tratam de Título de Cidadão Petrolinense, Medalha de Honra ao Mérito e denominação de espaços públicos.

Sem projetos de grande relevância, o debate deverá ser voltado ao Requerimento nº 297/2019, apresentado pelos vereadores Elismar Gonçalves, Gabriel Menezes e Paulo Valgueiro – da Bancada de Oposição. Eles solicitam informações referentes às citadas na Decisão-AC-4430-STF que trata das investigações da Operação Lava Jato, no qual é citada a possível contratação dessas empresas pela Prefeitura de Petrolina para pagamento de empréstimos ilegais  tomados pelo Senador Fernando Bezerra Coelho.

Além desse pedido estão na pauta 21 Indicações e outros dois Requerimentos. A sessão de hoje começa daqui a pouco, às 9h e é aberta ao público.

Câmara de Petrolina aprova projeto que atualiza Código Tributário e garante isenção de impostos a templos religiosos

Projeto segue para sanção do prefeito Miguel Coelho (Foto: Blog Waldiney Passos)

Os vereadores de Petrolina aprovaram na sessão de ontem (19) o Projeto de Lei Complementar n° 002/2019, apresentada pelo Poder Executivo no qual propõe alteração no Código Tributário. Na prática, a Câmara deu aval à Prefeitura para isentar templos religiosos de impostos e aumentar de outras categorias.

A matéria foi aprovada por 16 votos a zero, com quatro abstenções da Oposição. O projeto segue para sanção do prefeito Miguel Coelho. A seguir, confira o que determina o PL e as justificativas dos votos favoráveis e contrários.

Como votaram as bancadas

A Situação, composta por vereadores aliados do prefeito Miguel Coelho, aprovou por unanimidade o projeto. A bancada evangélica composta por Alex de Jesus (PRB), Elias Jardim (PHS), Osinaldo Souza (PTB) e Ruy Wanderley (PSC) celebrou a conquista.

“Esse projeto de beneficiar as igrejas de Petrolina nasceu lá atrás, em 1998. Trabalhos na pauta para que pudesse beneficiar as igrejas“, lembrou Ruy. Para Alex, a aprovação “é um presente que as igrejas ganham” na semana do aniversário da cidade. Elias foi além e falou que a Câmara “vai buscar mais benefícios às igrejas”.

LEIA MAIS
123