Osório rebate crítica de Gabriel: “Não tem um projeto que venha trazer benefício à sociedade”

Osório rebateu fala de Gabriel sobre saúde na zona rural de Petrolina

O clima entre o presidente da Câmara de Vereadores de Petrolina, Osório Siqueira (PSB) e Gabriel Menezes (PSL) esquentou na sessão da última quinta-feira (17). Osório chamou o colega de “mau educado” e criticou a postura de Gabriel em ser agressivo nas sessões.

LEIA TAMBÉM:

Presidente do PSL em Pernambuco reafirma que Gabriel Menezes tem apoio do partido na candidatura a prefeito de Petrolina

O comentário de Osório veio após o vereador da Oposição criticar os serviços de saúde na zona rural e mencionar um reduto do presidente da Casa. “Quero convidar a secretária [de Saúde] e o prefeito, os vereadores que se dizem vereadores da Saúde para irmos juntos madrugar com idosos, gestantes e mães com crianças pequenas nas filas das Unidades de Saúde das áreas irrigadas, como exemplo fo N5 que é seu reduto, presidente Osório para vermos tanta gente arriscando por insuficientes fichas. Chega de incompetência, cadê os médicos que passaram no concurso?”, afirmou Gabriel.

LEIA MAIS

Dia do Professor é marcado por homenagens na Câmara de Vereadores de Petrolina

Terça-feira foi de homenagens na Casa Plínio Amorim (Foto: Jean Brito/CMP)

Pela primeira vez a Câmara de Vereadores de Petrolina realizou a entrega da Medalha de Honra ao Mérito Educacional Professora Isabel Cristina, homenagem instituída através de um projeto de Decreto Legislativo aprovado pelos edis no ano passado.

De autoria da vereadora Cristina Costa (PT), a Medalha faz uma honraria dupla: lembra o legado da deputada estadual Isabel Cristina e celebra os mestres que inspiram a população petrolinense. Ontem (15), no Dia do Professor, mais de 50 docentes receberam a Medalha.

Edis também foram lembrados

Da rede estadual à privada, cada vereador escolheu dois professores para receber a medalha. Houve também uma lembrança aos edis Cristina e Gilmar Santos, ambos petistas e que também são educadores. Eles foram laureados pelo companheiro de bancada, Gabriel Menezes (PSL).

Eterna deputada

Um dos momentos mais marcantes foi o discurso da sobrinha da ex-deputada, Isabela Oliveira. “É como muita honra que venho aqui representar aqui a família Oliveira e minha tia, a mulher extraordinária que foi. A preocupação com o próximo sempre fez parte da vida da minha tia que veio de origem pobres e que fez da educação, exemplo de transformação de sua vida e levou esse legado por toda a vida. Tia Pituca, como costumávamos chamá-la, sempre nos incentivou a seguir no caminho da educação. Os estudos sempre fizeram parte da vida dela. Nada melhor que fosse homenageada com uma medalha de honra ao mérito educacional”, disse em sua fala.

Presidente do PSL em Pernambuco reafirma que Gabriel Menezes tem apoio do partido na candidatura a prefeito de Petrolina

Gabriel tem apoio do PSL para eleições em 2020, afirma Amaral (Foto: Reprodução/Facebook)

Se depender do presidente do PSL em Pernambuco, Marcos Amaral, Gabriel Menezes não sairá do partido e deve ser o candidato da sigla à Prefeitura de Petrolina em 2020. Amaral reafirmou apoio ao vereador nessa quinta-feira (10), durante uma entrevista na Rádio Jornal, no programa Super Manhã com Waldiney Passos

“Quem tem que decidir a permanência no PSL ou não é o Gabriel. Até 4 de abril ele é vereador do PSL. Não vejo a menor razão para ficar conversando isso, Gabriel é o nosso candidato prioritariamente. O PSL, por determinação do presidente Luciano Bivar, terá candidaturas nas principais cidades do Brasil, entre elas Petrolina”, destacou.

Cenário político em Petrolina

Ainda segundo Amaral, é normal Gabriel ser cortejado por outros partidos, contudo, o edil tem total apoio de Bivar e “será o nosso candidato a prefeito em Petrolina”. Dessa forma, uma aproximação do PSL com o grupo Coelho não afetaria na nomeação de Menezes.

“O próprio Luciano insiste que o Gabriel será o candidato dele. Tem quase um ano que essas especulações correm soltas em Petrolina. O Gabriel Menezes sabe que eu concordo com o nosso presidente e é praticamente impossível mudar de posição“, concluiu Amaral.

Gabriel Menezes afirma que é pré-candidato a prefeito independente de partido

Vereador Gabriel Menezes – PSL. (Foto: Blog Waldiney Passos)

O vereador Gabriel Menezes (PSL) confirmou, durante a sessão desta quinta-feira (3), na Câmara Municipal de Petrolina, que pretende mesmo disputar a prefeitura de Petrolina no ano que vem.

“Hoje eu tenho quatro partidos interessados em viabilizar nossa candidatura”, afirmou. Gabriel acredita que dificilmente o senador Fernando Bezerra consiga interferir no PSL e, portanto, não descarta uma possível candidatura até mesmo pela legenda.

Petrolina: Oposição apresentará novo Requerimento que deve gerar polêmica na sessão dessa quinta-feira

Sessão deve ser marcada por polêmicas (Foto: Blog Waldiney Passos)

A quinta-feira (26) na Casa Plínio Amorim promete ser novamente de clima quente. Assim como na terça-feira (24), os vereadores da Oposição vão apresentar um Requerimento pedindo informações à Prefeitura de Petrolina acerca da investigação da Operação Lava-Jato contra o senador Fernando Bezerra Coelho (MDB).

O Requerimento n° 300/2019 tem como autores Gabriel Menezes (PSL), Gilmar Santos (PT) e Paulo Valgueiro (MDB) e “esclarecimentos acerca das graves denúncias amplamente divulgadas” onde cita-se uma “possível contratação dessas empresas pela Prefeitura de Petrolina na gestão do atual Prefeito para pagamento de empréstimos ilegais”.

Esse mesmo pedido, mas com nome do vereador Elismar Gonçalves (MDB) foi derrubado por 16×4 na sessão da última terça, depois de um longo e acalorado debate. Na pauta também constam três projetos de Lei do Legislativo para votação. Eles propõem a entrega de Medalhas e Título de Cidadão Petrolinense.

Após longo debate, Câmara derruba Requerimentos da Oposição

Vereadores discutiram Requerimentos da Oposição (Foto: Blog Waldiney Passos)

A votação dos projetos de Lei que estavam na pauta na sessão dessa terça-feira (24) foram escanteados para os vereadores de Petrolina discutirem dois Requerimentos apresentados pela Bancada de Oposição. Gilmar Santos (PT) solicitou a realização de uma audiência pública para debater a regularização fundiária no município.

Líder da bancada, Paulo Valgueiro (MDB) pediu informações ao prefeito Miguel Coelho sobre as empresas contratadas pela Prefeitura que estão sendo investigadas na Operação Lava Jato, citadas após a nova investigação contra o senador Fernando Bezerra Coelho (MDB) e o deputado federal Fernando Filho (DEM).

Os Requerimentos foram votados em destaque a pedido da Situação, que recebeu críticas dos colegas opositores. Gabriel Menezes (PSL) citou a necessidade de realizar uma CPI da Agiotagem e questionou os investimentos em Petrolina. “Pra fazer a pavimentação tem que estar pedindo empréstimo?”, questionou o edil.

Autor de um dos pedidos, Gilmar criticou a postura dos vereadores governistas pela “forma que essa Casa trata os pedidos de audiência pública sobre interesses do povo”. Ronaldo Souza, o Ronaldo Cancão (PTB) condenou as duas solicitações.

“Vou contra o Requerimento que já foram entregues 5 mil escrituras e por prudência, é necessário embasamento político no pedido”, justificou Cancão. Já Maria Elena de Alencar (PRTB) disse que os pedidos, em especial o de Valgueiro, é “maldoso”.

Depois de quase duas horas de discussão, os Requerimentos foram derrubados por 14×6 (de Gilmar Santos) e por 16×4 (Valgueiro). Agora estão sendo votados os projetos de Medalha e Título de Cidadão Petrolinense.

Vereadores de Petrolina analisam seis projetos na sessão dessa terça-feira

Todas as matérias são do Legislativo (Foto: Blog Waldiney Passos)

Seis projetos estão na pauta da sessão dessa terça-feira (24) na Câmara de Vereadores de Petrolina. Todos são do Legislativo e tratam de Título de Cidadão Petrolinense, Medalha de Honra ao Mérito e denominação de espaços públicos.

Sem projetos de grande relevância, o debate deverá ser voltado ao Requerimento nº 297/2019, apresentado pelos vereadores Elismar Gonçalves, Gabriel Menezes e Paulo Valgueiro – da Bancada de Oposição. Eles solicitam informações referentes às citadas na Decisão-AC-4430-STF que trata das investigações da Operação Lava Jato, no qual é citada a possível contratação dessas empresas pela Prefeitura de Petrolina para pagamento de empréstimos ilegais  tomados pelo Senador Fernando Bezerra Coelho.

Além desse pedido estão na pauta 21 Indicações e outros dois Requerimentos. A sessão de hoje começa daqui a pouco, às 9h e é aberta ao público.

Câmara de Petrolina aprova projeto que atualiza Código Tributário e garante isenção de impostos a templos religiosos

Projeto segue para sanção do prefeito Miguel Coelho (Foto: Blog Waldiney Passos)

Os vereadores de Petrolina aprovaram na sessão de ontem (19) o Projeto de Lei Complementar n° 002/2019, apresentada pelo Poder Executivo no qual propõe alteração no Código Tributário. Na prática, a Câmara deu aval à Prefeitura para isentar templos religiosos de impostos e aumentar de outras categorias.

A matéria foi aprovada por 16 votos a zero, com quatro abstenções da Oposição. O projeto segue para sanção do prefeito Miguel Coelho. A seguir, confira o que determina o PL e as justificativas dos votos favoráveis e contrários.

Como votaram as bancadas

A Situação, composta por vereadores aliados do prefeito Miguel Coelho, aprovou por unanimidade o projeto. A bancada evangélica composta por Alex de Jesus (PRB), Elias Jardim (PHS), Osinaldo Souza (PTB) e Ruy Wanderley (PSC) celebrou a conquista.

“Esse projeto de beneficiar as igrejas de Petrolina nasceu lá atrás, em 1998. Trabalhos na pauta para que pudesse beneficiar as igrejas“, lembrou Ruy. Para Alex, a aprovação “é um presente que as igrejas ganham” na semana do aniversário da cidade. Elias foi além e falou que a Câmara “vai buscar mais benefícios às igrejas”.

LEIA MAIS

“É um bom nome para apresentar como candidato”, diz Heitor Leite sobre Gabriel Menezes

(Foto: Blog Waldiney Passos)

Agora presidente do Partido Social Liberal (PSL) de Petrolina, o Coronel Heitor Leite confirmou que o partido deve lutar para ter candidatura própria à prefeitura municipal. Segundo Heitor, o que há, no momento, são apenas conversas.

LEIA TAMBÉM

Presidente do PSL de Pernambuco afirma que Gabriel Menezes será candidato a prefeito de Petrolina

No entanto, o Coronel afirmou que o vereador Gabriel Menezes seria um “bom nome” para disputa da prefeitura. Em abril deste ano, o parlamentar foi lançado pré-candidato ao Executivo Municipal pelo presidente estadual do partido. “É um bom nome para que a gente possa discutir no partido e apresentar como candidato. É um vereador de mandato e atuante”, disse Heitor.

LEIA MAIS

Presidente estadual do PSL não descarta candidatura majoritária em Petrolina: “No tempo certo a gente vai dizer”

Nome de Gabriel Menezes não foi descartado pelo partido em 2020  (Foto: Blog Waldiney Passos)

Partido do presidente da República, Jair Bolsonaro, o PSL quer ter força também nos municípios. Foi o que afirmou o presidente da sigla em Pernambuco, Marcos Amaral. De acordo com o mandatário no Estado, a meta imposta para 2020 é ter o maior número possível de candidaturas.

“A intenção do PSL é hoje ter o maior número possível de candidaturas majoritárias que puder ter. Não é o município, é ter o maior número de candidaturas. Está decidido pelo presidente nacional do partido“, disse em entrevista ao programa Repercutindo, com Daniel Campos na Rádio Jornal Petrolina de terça-feira (2).

A postura de ter várias candidaturas no pleito municipal do próximo ano, segundo Amaral, vem como consequência da força do PSL na eleição de 2018. Contudo, aqui em Pernambuco serão analisados o contexto de cada cidade, em especial, Petrolina.

LEIA MAIS

Com a missão de fortalecer agricultura no Sertão, IPA inaugura nova Central de Distribuição do PAA em Petrolina

Solenidade aconteceu na manhã de hoje, em Petrolina (Foto: Blog Waldiney Passos)

Autoridades estaduais e municipais se reuniram na sede do Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA), em Petrolina na manhã dessa sexta-feira (28), para inaugurar a nova Central de Recebimento e Distribuição do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA). A obra, executada pelo Governo de Pernambuco, beneficiará diversos municípios do Sertão, facilitando a distribuição dos alimentos nas cidades.

Entre os presentes na inauguração estava deputado estadual e o aliado do governador Paulo Câmara (PSB), Lucas Ramos. Ele lembrou que o IPA e os demais órgãos estaduais que funcionam no prédio visam melhorar a vida dos cidadãos. “A gente precisava oferecer um atendimento melhor e a iniciativa de trazer pra cá a extensão da presidência é imprescindível, para entender a realidade do agricultor”, disse.

LEIA TAMBÉM:

IPA inaugura central de recebimento e distribuição do PAA em Petrolina

Presidente da Comissão de Agricultura da Câmara de Vereadores de Petrolina, Gabriel Menezes (PSL) destacou que que o sertanejo ganhou muito com a ida de Odacy Amorim (PT) ao IPA. “Sempre que uma mão amiga se estende aos nossos produtores, a gente tem motivos para se alegrar”, afirmou.

LEIA MAIS

Gabriel Menezes diz desconhecer convite do PSL a Miguel

Vereador Gabriel Menezes – PSL. (Foto: Blog Waldiney Passos)

Após o prefeito de Petrolina Miguel Coelho afirmar que havia recebido convites de filiação de vários partidos, dentre eles do PSL, o vereador Gabriel Menezes (PSL) disse em entrevista ao Blog Waldiney Passos, que desconhece o convite e afirmou que, caso se confirme a filiação do prefeito à sigla, não lhe faltará opções.

LEIA TAMBÉM

Miguel Coelho afirma ter recebido convite para filiar-se ao PSL e pode atrapalhar planos de Gabriel Menezes

“Se alguém convidou, não fui eu! Desconheço o convite, embora não me surpreenda, sobretudo por saber o ‘modus operandi’ [modo de agir] de Miguel e seu grupo. Puro fisiologismo e oportunismo. Miguel está com medo de disputar a eleição comigo ano que vem. É a leitura que faço. Seu pai está no MDB, os irmãos no DEM, o que ele quer com o PSL? Certamente me enfraquecer. Mas pensando assim engana a si próprio”, disse o parlamentar.

Gabriel garantiu, ainda, que vai disputar as eleições para prefeito, independentemente de partido. “Irei para cima com tudo, independente de partido. São 35 siglas no país e tenho certeza que, caso se confirme, não nos faltarão opções. Ano que vem ele vai topar com um vaqueiro, matuto, disposto, que sonha em libertar Petrolina dessa gestão truculenta, perseguidora, midiática e sem transparência, que gasta milhões em propaganda enganosa, ao tempo em que afunda o município em empréstimos. ”

Gabriel Menezes solicita intensificação nas campanhas de castração animal em Petrolina

(Foto: Blog Waldiney Passos)

O vereador Gabriel Menezes (PSL) solicitou – por meio de indicação apresentada nesta quinta-feira (6) – à prefeitura municipal para que interceda junto ao Centro de Zoonoses (CCZ) com o objetivo de intensificar as campanhas de castração em Petrolina.

Segundo o parlamentar, “é preocupante a quantidade de cães e gatos nas ruas de Petrolina, seja na área urbana, irrigada ou Zona Rural”. Além de controlar a reprodução desordenada dos animais, a ação, segundo Gabriel, diminuiria “os riscos à saúde humana, bem como a quantidade de acidentes de trânsito envolvendo esses animais, frequentemente atropelados”.

Procurada pelo Blog Waldiney Passos, a Secretaria de Saúde de Petrolina, informou que o serviço de castração continua sendo feito normalmente pelo Centro de Controle de Zoonoses (CCZ). Ainda de acordo com a pasta, além dos animais que vivem nas ruas, o serviço também é disponibilizado para os animais criados em casa, porém o dono do animal precisa comprovar baixa renda. O atendimento segue uma agenda, quando não há atividade externa, são feitas as castrações. Para ter acesso ao serviço, basta comparecer ao CCZ e verificar a disponibilidade do agendamento.

Apesar de voto favorável, Oposição levanta questionamento sobre remanejamento de recurso para saneamento de Petrolina

Recurso de R$ 6 milhões deve ser usado para solucionar problema do Dom Avelar (Foto: Blog Waldiney Passos)

O projeto de Lei nº 007/2019, no qual a Prefeitura de Petrolina pedia autorização para remanejar recurso da pavimentação ao saneamento básico, foi aprovado unanimidade, mas não foi poupado de críticas da Bancada de Oposição. O discurso dos seis vereadores opositores foi o mesmo: apesar do “sim”, a matéria deixava brechas para questionamentos.

Gabriel Menezes (PSL) foi o primeiro a apontar as falhas no texto. Segundo o edil, “não há critérios de escolha”. Gilmar Santos (PT) discursou após o colega e referendou o companheiro de bancada, afirmando que falta transparência na gestão.

LEIA TAMBÉM:

Com votos da Oposição, vereadores autorizam Executivo a destinar recurso para saneamento de Petrolina

Mais enfático, o líder do grupo, Paulo Valgueiro (MDB) lembrou que a Oposição votaria em peso pela aprovação, mas isso não significaria uma mudança na postura deles. “Somos contrários a endividamento, mas a Bancada de Oposição votará favorável ao remanejamento e vamos continuar atentos, fiscalizando”, disse.

LEIA MAIS

Câmara aprova Moção de Aplausos a Bolsonarianos pela recepção ao presidente em Petrolina

Por 12 votos Moção foi aprovada (Foto: Blog Waldiney Passos)

Jair Bolsonaro voltou a pauta da sessão dessa terça-feira (28) na Casa Plínio Amorim. Autor do projeto de Decreto Legislativo que propôs o Título de Cidadão Petrolinense, Elias Jardim (PHS) apresentou o Requerimento nº 196/2019, solicitando Moção de Aplausos aos Bolsonarianos.

Elias citou o 5º BPM, 72 BIMTZ, o senador Fernando Bezerra Coelho e o prefeito Miguel Coelho na Moção por terem promovido uma “calorosa recepção” a Bolsonaro. O Requerimento, no entanto, voltou a dividir as bancadas. A Oposição criticou o pedido.

Cristina Costa (PT), Domingos de Cristália (PSL), Gabriel Menezes (PSL) e Gilmar Santos (PT) votaram contra a Moção. Autor do pedido de destaque, Gabriel afirmou que o Requerimento era de “bajulação”, enquanto Gilmar alegou que a Câmara deve trabalhar com pautas de relevância social e Cristina alegou que a solicitação é um “constrangimento” ao Legislativo.

Na defesa da sua Moção, Elias frisou que não se trata de uma homenagem a Bolsonaro e sim a quem o recepcionou e garantiu sua segurança. Ele contou com apoio do líder da Situação, Aero Cruz (PSB) que solicitou aprovação e por 12 votos a favor, quatro contra e duas abstenções (Paulo Valgueiro e Elismar Gonçalves) o Requerimento foi aprovado.

123