Após denúncia, Conselho Tutelar diz estar seguindo “rigidamente os protocolos de segurança”

Nessa segunda-feira (26), nosso blog recebeu uma denúncia afirmando que conselheiros estariam indo às casas sem proteção. Em nota, o Conselho Tutelar de Petrolina negou que seus funcionários estariam desrespeitando as medidas sanitárias em plena pandemia.

LEIA TAMBÉM

Denúncia: conselheiro tutelar de Petrolina estaria atuando sem máscara e teria contaminado motorista

Segundo o documento, “o Conselho Tutelar do município de Petrolina (PE) está adotando rigidamente todos os protocolos de segurança, inclusive adotando sistema de rodízio e home office, álcool, máscaras, ou seja, estamos focados em garantir a segurança dos usuários e dos profissionais do Conselho Tutelar”.

Na denúncia, uma das fontes afirma que alguns conselheiros estão sem usar máscaras dentro do veículo da instituição, colocando em risco os demais passageiros. Além disso, segundo a denúncia, um motorista teria sido infectado por um desses conselheiros.

De acordo com o Conselho Tutelar, “ocorre que uma pessoa que é contaminado com o vírus, não se pode afirmar que contraiu de uma pessoa ou lugar determinado, caso fosse possível, seria uma grande descoberta cientifica e o caso deveria ser levado a OMS para uma pesquisa global”.

No entanto, a entidade confirmou que um dos conselheiros havia testado positivo no dia 17 deste mês, sendo afastado das atividades, assim como o motorista, testado positivo no dia 22. Ele também foi afastado das atividades.

Confira a nota na íntegra

A denúncia postada no referido blog não condiz com a verdade e sim com mentiras infundadas.  Desde que foi decretada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) a Pandemia do Novo Corona Vírus – Covid-19, o Conselho Tutelar do município de Petrolina (PE), está adotando rigidamente todos os protocolos de segurança, inclusive adotando sistema de rodízio e home office, álcool, máscaras, ou seja, estamos focado em garantir a segurança dos usuários e dos profissionais do Conselho Tutelar. O trabalho do Conselho vem firme e forte nos atendimentos emergenciais com todas as normas de segurança.

Adentro a denúncia, ocorre que uma pessoa que é contaminado com o vírus, não se pode afirmar que contraiu de uma pessoa ou lugar determinado, caso fosse possível, seria uma grande descoberta cientifica e o caso deveria ser levado a OMS para uma pesquisa global.

Vale destacar e deixar claro para a sociedade petrolinense, que a equipe do Conselho Tutelar de Petrolina, são testados a cada 15 dias como também funcionários e motoristas, sendo realizado a última testagem no dia 16/ 10 a qual não houve casos positivados. Vale ressaltar que também foi marcado o teste para os auxiliares e motorista, porém, o motorista se recusou-se a realizar o teste (RT- PCR em tempo real). Sendo que após realizar a testagem no dia 22/10 qual testou positivo foi de imediato afastado das atividades. Vale ressaltar que o conselheiro citado na matéria foi testado positivo no dia 17 /10 sendo afastado de imediato das suas atividades estando em isolamento.

Reafirmamos nosso compromisso com a sociedade cumprindo todas as normas de segurança estabelecidas pela organização mundial de saúde, priorizando todos atendimentos emergenciais

Deixe uma resposta