Segundo Dom Malan, paciente que veio da UPA de Juazeiro deu entrada com suspeita interrogada de morte encefálica

(Foto: Arquivo)

O Hospital Dom Malan/IMIP emitiu uma nota sobre o caso do paciente André Ricardo dos Santos, de 13 anos. O garoto deu entrada na unidade na noite da última terça-feira (17), mas veio a óbito depois de a família passar por uma peregrinação entre hospitais particulares e públicos de Juazeiro (BA).

Segundo a nota do HDM, André “recebeu, de imediato, toda assistência necessária” e já chegou à unidade “com suspeita interrogada de morte encefálica”. O garoto morreu na manhã de hoje (18), em decorrência de “uma parada cardiorrespiratória”.

LEIA TAMBÉM:

Garoto que precisava de transferência para o Dom Malan morre após família fazer peregrinação por atendimento médico

Por fim, o Hospital se solidarizou com a família de André e se colocou à disposição para quaisquer dúvidas sobre o atendimento. De acordo com parentes do garoto, o problema teria sido a demora da UPA de Juazeiro em conseguir a transferência para Petrolina. Ainda estamos esperando uma resposta da Secretaria de Saúde (SESAU).

Confira a nota do HDM:

O Hospital Dom Malan/IMIP de Petrolina informa que o paciente em questão deu entrada no HDM apenas na noite desta terça-feira (17) e que recebeu, de imediato, toda a assistência necessária.

André Ricardo dos Santos tinha passado por outros serviços anteriormente e já chegou com suspeita interrogada de Morte Encefálica (devido à hemorragia de tronco) e instabilidade hemodinâmica. Hoje pela manhã sofreu uma parada cardiorrespiratória e, infelizmente, veio a óbito.

Todos se engajaram em prestar a melhor assistência possível a André e, inclusive, foi da direção do Dom Malan todo o esforço para conseguir uma vaga na UTI do serviço.

Os  profissionais e direção, neste momento, solidarizam-se com a família e se colocam à disposição para eventuais dúvidas e orientações.

Deixe uma resposta