Sobe de 18 para 20 casos notificados do novo coronavírus em Juazeiro

Nesta sexta-feira (27), a Secretaria da Saúde de Juazeiro atualizou os números relativos a COVID-19 e a H1N1. De 44 ontem, os casos notificados de H1N1 passaram para 46 notificações. 10 casos foram confirmados, incluindo dois óbitos; 22 casos estão em investigação e outros 14 casos suspeitos de H1N1 foram descartados.

LEIA TAMBÉM

Petrolina: teste de adolescente dá negativo para covid-19

Para o coronavírus, o registro no município passou de 18 ontem para 20 notificações, sendo 11 casos suspeitos descartados, sete estão em análise pelo Laboratório Central (LACEN) em Salvador, dois casos confirmados e nenhum óbito.

Salgueiro tem seis casos suspeitos de coronavírus e quatro descartados

Prefeitura mantém canal direto de comunicação com população (Foto: Arquivo)

O boletim diário da Prefeitura de Salgueiro (PE), divulgado às 18h de quarta-feira (25) trouxe uma boa notícia a população. Dos 10 casos notificados do novo coronavírus, quatro já foram descartados. Seis permanecem em investigação, aguardando resultado dos exames médicos.

O município tem adotado medidas preventivas, assim como Petrolina: fechamento de feiras, suspensão das aulas da rede municipal, fechamento do comércio e reforçado a necessidade do isolamento social.

Para combater as fakes news, a Prefeitura lançou um canal de comunicação via WhatsApp, onde fornecerá dados confirmados e também sanará dúvidas da população: (87) 98139-1050.

Sobradinho tem mais uma morte suspeita por H1N1

Sobradinho (BA) tem agora três casos suspeitos de H1N1, sendo dois deles óbitos em investigação pela Secretaria de Saúde. As duas vítimas fatais são idosos, uma delas já mostrada aqui no Blog. A morte mais recente foi registrada na segunda-feira (23).

LEIA TAMBÉM

Sobradinho registra morte suspeita por H1N1

No boletim divulgado nessa terça-feira (24) a Prefeitura ressalta que não há notificações de coronavírus no município. “Aguardamos o resultado dos exames das três pessoas em investigação para o H1N1, que estão sendo analisados pelo Lacen BA. O resultado deverá chegar nos próximos dias“, comunica a nota.

A Prefeitura não forneceu detalhes acerca do terceiro paciente suspeito. Os dados oficiais sobre os casos em investigação são divulgados nas redes sociais da gestão, diariamente, evitando assim a disseminação de fake news.

Paulo Afonso descarta mais seis casos suspeitos de coronavírus

Mais seis exames de pacientes com suspeita de coronavírus em Paulo Afonso (BA) deram negativo. Os resultados foram apresentados ontem (23), no final da tarde pela Prefeitura da cidade. Com isso, sobe para 13 os casos descartados.

LEIA TAMBÉM

Paulo Afonso tem mais seis casos suspeitos de coronavírus

Outros dois seguem em investigação, aguardando o Lacen, em Salvador, liberar os resultados. Os pacientes estão sendo monitorados pela equipe de vigilância de Paulo Afonso.

A cidade foi uma das primeiras da região a ter casos suspeitos do novo coronavírus e de imediato adotou medidas para enfrentar o vírus: adoção de barreiras na rodoviária, aeroporto entre outros.

Uauá registra primeiros casos suspeitos de coronavírus

O município de Uauá (BA) é mais uma cidade da região a registrar casos suspeitos do novo coronavírus. De acordo com a Prefeitura, na noite de sábado (21) foram notificados três casos e todos os pacientes já tiveram seus materiais coletados.

LEIA TAMBÉM

Uauá tem primeiro caso suspeito de H1N1

Tratam-se de dois adultos e uma criança. Um homem de 42 anos foi o primeiro a dar entrada no Hospital Municipal Dr. Jair Braga. Ele apresentava sintomas como tosse, febre e garganta inflamada e disse ter visitado Feira de Santana, cidade que já teve casos confirmados da doença. Ele está em quarentena domiciliar.

Os demais pacientes são sua esposa e filho, que apresentaram os mesmos sintomas do homem. Dessa forma toda família está em quarentena e segue monitorada pela Vigilância Epidemiológica da cidade. Os resultados dos exames deve sair nos próximos dias.

Paulo Afonso tem mais seis casos suspeitos de coronavírus

Município tem 12 casos suspeitos (Foto: Ascom/PMPA)

O último boletim informativo divulgado pela Prefeitura de Paulo Afonso (BA), na quinta-feira (19) traz mais seis casos suspeitos de coronavírus na cidade. Os pacientes já tiveram o material coletado e aguardam o resultado dos exames feitos em Salvador.

LEIA TAMBÉM

Paulo Afonso: 1º caso suspeito de covid-19 é descartado

Com casos suspeitos de coronavírus, Prefeitura de Paulo Afonso implanta barreira sanitária na Rodoviária e Aeroporto

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, os casos suspeitos são cinco homens, com 21, 24, 37, 48 e 76 anos idade, além de uma mulher de 21 anos. No total Paulo Afonso tem 12 casos em investigação e um já descartado, após exame laboratorial.

Todos os casos suspeitos estão seguindo as recomendações da Vigilância em Saúde e permanecem em isolamento domiciliar, além do acompanhamento das equipes de saúde da cidade. Em meio a pandemia global, a Prefeitura pediu aos munícipes e imprensa local que se atentem às fake news e busquem sempre informações nos canais oficiais da gestão, como Facebook e Instagram.

Paulo Afonso: 1º caso suspeito de covid-19 é descartado

Quatro casos estão sendo monitorados (Foto: Divulgação/ Josué Damasceno/ IOC/Fiocruz)

O primeiro caso suspeito de coronavírus em Paulo Afonso (BA) foi descartado. O resultado foi anunciado em uma coletiva de imprensa na segunda-feira (16), quando também foram divulgadas as medidas adotadas pela Prefeitura na prevenção a novos casos.

De acordo com o secretário de Saúde, Ghiarone Garibalde estão suspensas viagens do Tratamento Fora do Domicílio (TFD), sendo mantidos apenas os pacientes oncológicos; suspensão de cirurgias eletivas; e visita de profissionais ao interior da cidade para averiguar possíveis casos da doença.

Quatro casos suspeitos

Apesar de ter descartado o primeiro caso, Paulo Afonso tem quatro em investigação. O mais recente é de um homem que tem 46 anos. Ele teve material coletado e enviado ao Laboratório Central (Lacen), de Salvador. Contudo, devido a grande demanda na capital, não há um prazo para a divulgação do resultado.

Salgueiro tem quatro casos suspeitos de covid-19

Dois pacientes estiveram em São Paulo e mantiveram contato com outras duas pessoas (Foto: Arquivo)

Além de Petrolina, Salgueiro (PE) também tem casos suspeitos do novo coronavírus. A informação foi repassada pela Prefeitura na última segunda-feira (16). De acordo com a gestão, são quatro casos em análise, sendo que dois deles são pacientes vindos de São Paulo.

LEIA TAMBÉM

Miguel decreta estado de emergência; Petrolina tem nove casos suspeitos de coronavírus e três de H1N1

Eles foram atendidos na rede particular de Salgueiro e continuam em análise. Os outros dois casos suspeitos são de pessoas em contato direto com os primeiros. Todos os quatro têm sintomas gripais, tiveram material coletado e aguardam o resultado do exame.

Nessa terça-feira (17) a Prefeitura apresentará o Plano de Contingência do covid-19. O prefeito Clebel Cordeiro (MDB) também publicará um Decreto com as medidas adotadas pelo município. “O momento pede responsabilidade e cuidados, não pânico”, destaca o Executivo.

Com casos suspeitos de coronavírus, Prefeitura de Paulo Afonso implanta barreira sanitária na Rodoviária e Aeroporto

Pacientes estavam na Itália (Foto: Ilustração)

O município de Paulo Afonso (BA) está investigando três casos suspeitos de coronavírus. Um boletim da Secretaria de Saúde do município, divulgado na sexta-feira (13) afirma que dois pacientes estiveram na Itália e já foram submetidos aos exames necessários.

Os resultados deverão ser divulgados até segunda-feira (16), já que as amostras foram encaminhadas a Salvador. Esses dois casos somam-se ao primeiro, ainda em investigação, de uma jovem que tem 23 anos. Ela está em isolamento por 16 dias e é constantemente monitorada pela vigilância de saúde.

O resultado dos exames dessa mulher está previsto para sair nesse sábado (14). Como medida emergencial de prevenção, a Prefeitura de Paulo Afonso determinou a implantação de uma barreira sanitária na Rodoviária a partir de hoje, expandindo a medida ao aeroporto na segunda-feira (16).

A barreira busca orientar pacientes com sintomas da doença. Caso haja algum caso suspeito, a equipe encaminhará o turista ou morador ao Hospital Nair Alves de Souza (HNAS), onde será realizado o trâmite de isolamento e pesquisa.