“Achei muita covardia”, diz diretor de sindicato após garantir que demissão de vigias foi a mando de Odacy Amorim

Presidente e Diretor Financeiro do Sindicato de Vigilantes teceram críticas à atuação de Odacy Amorim na demissão de vigias no IPA Petrolina.

Durante o programa “Super Manhã”, com Waldiney Passos, na rádio jornal, o presidente do Sindicato dos Vigilantes, Laércio Vasconcelos, e o Diretor Financeiro, Cláudio Arruda, criticaram demissões de vigias que tem acontecido no Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA) de Petrolina, que está sob o comando de Odacy Amorim.

De acordo o presidente do sindicato, Odacy teria demitido dois vigilantes do quadro para colocar duas pessoas ligadas a ele, como cabide eleitoral. “Após a demissão, os vigias foram questionar a empresa e a direção informou que foi a pedido de Odacy”.

A principal cobrança de Laércio e Cláudio é que Odacy teria prometido, quando assumiu o cardo de presidente da instituição, que não demitiria ninguém. “Eu achei muita covardia dele conversar com a gente em uma reunião e quando a gente dá as costas recebe essa apunhalada por trás”, disse o Diretor Financeiro do Sindicato.

LEIA MAIS

“Lave a boca e respeite o nosso eleitorado”, diz Odacy em resposta a ataques de Ronaldo Silva ao PT

Odacy Amorim responde críticas de Ronaldo Silva ao PT.

O deputado estadual Odacy Amorim (PT), respondeu o vereador de Petrolina Ronaldo Silva (PSDB), que – ao anunciar seu apoio e do partido ao candidato à presidência Jair Bolsonaro (PSL) – atacou o Partido dos Trabalhadores afirmando que era “partido de ladrão”.

A reposta veio durante entrevista ao programa “Super Manhã”, com Waldiney Passos, na Rádio Jornal. Na oportunidade, Odacy lamentou o fato de um parlamentar estimular esse tipo de prática e pediu para que o vereador respeitasse o eleitorado do PT.

“Eu ouvi o vereador falar e acho lamentável estimular este tipo de prática que disse que o esse era um partido de ladrão. Quer dizer que eu sou um ladrão? Quer dizer que o eleitor que vota em Lula, Dilma e que votaram em Haddad são ladrões. Lave a boca e respeite o nosso campo, respeite o nosso eleitorado”.

LEIA TAMBÉM

Ronaldo Silva declara apoio do PSDB de Petrolina a Jair Bolsonaro e classifica PT como “partido de ladrão”

Odacy afirmou ainda que Ronaldo deverá responder nas urnas, quando houver uma nova eleição para vereador na cidade. “Esse vereador ele vai responder daqui a dois anos nas urnas. Então ele se prepare porque o povo começa a olhar para ele como um inimigo do bem. Nessa história de em nome da família atacar as pessoas, nós já estamos no segundo caso de violência de eleitores do Bolsonaro que agridem e até mataram um cidadão em Salvador”.

O deputado afirmou que nenhum eleitor, independente do partido, pode ser chamado de bandido e afirmou que o PT trabalhou muito pelas famílias no país. “Está cheio de cidadão votando em Bolsonaro, eu não posso chegar aqui e dizer que o povo de Bolsonaro é tudo bandido. De jeito algum! Tem muita gente sincera defendendo a causa de Bolsonaro. Ele nos discursos agrada muita gente. Mas vamos parar com isso, porque quem mais fez pelas famílias brasileiras foi o PT”.

Odacy Amorim retira pré-candidatura ao governo do estado e afirma que vai concorrer à Câmara Federal

Odacy vai disputar uma vaga na Câmara dos Deputados. (Foto: Blog Waldiney Passos)

Por meio de nota, o deputado estadual Odacy Amorim (PT-PE) retirou a sua pré-candidatura ao governo do estado de Pernambuco. Segundo o parlamentar, a busca agora é por uma vaga na Câmara dos Deputados.

Com a decisão de Odacy, Marília Arraes – que já era cotada para disputar o cargo para governadora pelo PT – fica com o caminho aberto para uma eventual candidatura. Contudo, a grande possibilidade de o partido fechar uma aliança com o PSB pode atrapalhar os planos da vereadora do Recife.

Na nota, Odacy afirma que deve seguir o que for decidido pelo PT. “esse é um momento que demanda unidade do PT de Pernambuco em qualquer das alternativas de táticas eleitorais que ao final for adotada, seja a candidatura própria que sempre defendi, ou seja a aliança que vem sendo tentada pela direção nacional do PT”, disse o parlamentar.

Contrário a Gilmar Santos

De certa forma, o pronunciamento do deputado contrariou as afirmações do vereador de Petrolina Gilmar Santos (PT) que negou apoio a um possível acordo entre PT e PSB no estado e descartou essa ideia de unidade do partido defendida por Odacy em caso de aliança.

“Quanto a uma possível aliança com esses setores, principalmente PSB de Pernambuco, que assumiu um compromisso com o golpe, a gente vai manter o máximo de distância, inclusive para manter a nossa coerência”, afirmou Gilmar.

Confira a íntegra da nota

Como é do conhecimento de todos no PT e na sociedade, acredito bastante no protagonismo e na missão do nosso partido nessas eleições e, sobretudo, no papel do presidente Lula, como candidato preferido da maioria do povo brasileiro, cuja liderança e força tem conseguido derrotar a manipulação e a perseguição política sem precedentes que está sofrendo.

Com essas posições, tenho feito a defesa da candidatura própria do PT ao Governo do Estado e por isso me coloquei à disposição do partido para essa disputa. Além disso, sou defensor da inocência de Lula, do seu direito à liberdade e da sua candidatura vitoriosa à presidente da república. Considero que essa é uma prioridade do povo brasileiro e pernambucano, do PT e do país e, nessa condição, deve orientar o nosso posicionamento partidário em todo o Brasil e, naturalmente, em Pernambuco.

LEIA MAIS

Nome de candidato a governador pelo PT deve ser decidido em maio

Odacy e Marília disputaram vaga para candidato a governador de Pernambuco pelo PT. (Foto: aquivo)

No dia 12 de maio, o Partido dos Trabalhadores (PT) deve se reunir em Recife (PE) para definir o nome que será o candidato ou candidata a governador de Pernambuco pela sigla nas eleições deste ano.

O deputado estadual, Odacy Amorim, a vereadora do Recife, Marília Arraes e José de Oliveira são os nomes que irão disputar a vaga.

Em Petrolina, o vereador de Petrolina Gilmar Santos (PT) chegou a afirmar que a decisão de Odacy em buscar a vaga de candidato do partido seria “um projeto pessoal ou está a serviço de alguém que pretende inviabilizar o projeto do PT“.

Odacy afirmou que o presidente estadual do partido, Osmar Ricardo, teria apoiado a pré-candidatura do deputado estadual ao governo do estado. Além disso, segundo o parlamentar, o ex-presidente Lula também estaria apoiando a sua decisão.

Enquete

O blog Waldiney Passos está veiculando uma enquete desde o dia 19 de março para saber quem os eleitores preferem como candidato a governador pelo PT em Pernambuco.

Até o momento, Odacy Amorim está na frente com 58% dos votos, enquanto Marília Arraes se encontra com 42%. Você pode participar clicando em quem você prefere para liderar o partido nas eleições para governador do estado.

[poll id=”34″]

“É preciso que o Governo de Pernambuco se pronuncie e diga o que está acontecendo”, diz Odacy Amorim sobre fechamento da APAMI

Odacy Amorim falou sobre a situação da APAMI em Petrolina. (Foto: Blog Waldiney Passos)

Após o Hospital Dom Tomás/APAMI informar que fecharia as portas por falta de recursos para compra de medicamentos, insumos e pagamentos de funcionários, o deputado estadual Odacy Amorim (PT), que é vice-presidente da comissão de saúde na Assembleia Legislativa de Pernambuco, afirmou que espera providências do Governo do Estado a respeito da situação.

LEIA TAMBÉM

Por falta de dinheiro APAMI vai parar as atividades nesta terça-feira

“É preciso que o Governo de Pernambuco se pronuncie e diga o que está acontecendo e quais as posições serão tomadas. Meu papel é comunicar direto ao chefe do executivo e a gente espera uma providência, pois sabemos que uma entidade como a APAMI vai ter dificuldades sempre que tiver atrasos, porque quando você tem um hospital de um município, um estado, você tem outras receitas para ir sustentando. Mas uma entidade como a APAMI, mesmo com um número alto de doações, vai ter sempre essa dificuldade”, disse.

Odacy afirmou ainda que vai pressionar o secretário estadual de saúde para que o problema seja resolvido. “O que podemos fazer é pressionar o secretário de saúde, mas essa é uma discussão para ser resolvida política e administrativamente”.

Enquete: em quem você votaria para Governador de Pernambuco?

Petrolina pode ter três candidatos ao governo estadual.

2018 é ano de eleição para Presidente da República, Senadores, Deputados Federais e Estaduais/Distrital e Governadores. Em Pernambuco, a luta pela vaga do Executivo Estadual tem sido cada vez mais acirrada.

Com Odacy Amorim disputando a vaga com Marília Arraes no Partido dos Trabalhadores para pleitar o cargo de governador, Fernando Bezerra Coelho assumindo a presidência do Partido mais importante – pelo tempo de propaganda na TV – na corrida eleitoral, o MDB, e Júlio Lossio já em caravana pelo estado, Petrolina larga na disputa com três possíveis candidatos.

Essa enquete não se trata de pesquisa eleitoral, dependendo apenas da participação espontânea do interessado.

E você? Em quem votaria caso as eleições fossem hoje? Enquete segue até o dia 14/01/2018, às 23h.

[poll id=”32″]

Odacy Amorim e Fernando Bezerra lamentam morte de Armando Monteiro Filho

(Foto: Ilustração)

O senador Fernando Bezerra Coelho e o deputado estadual Odacy Amorim lamentaram por meio de nota o falecimento de Armando Monteiro Filho. Segundo o senador, “Armando Monteiro Filho foi um homem que mereceu todo nosso respeito e admiração. Um homem público absolutamente comprometido com as melhores causas, lutou uma vida inteira pela democracia e pelo Brasil. Deputado estadual e federal, foi ministro da Agricultura do ex-presidente João Goulart e candidato ao Senado na chapa de Miguel Arraes em 1994”.

Fernando ai falou sobre a importância de Armando para o estado. “Pai de família exemplar, jamais deixou de estar ao lado da esposa, dos filhos e dos parentes, mesmo com tantos afazeres na vida pública e empresarial. Seu legado não será apagado. Armando é parte fundamental da a história de Pernambuco. Minha solidariedade aos familiares e amigos, que possam encontrar conforto nesse momento de pesar”.

Odacy também lamentou a perda, “é com grande tristeza que recebo a notícia do falecimento de Armando Monteiro Filho, pai do senador Armando Monteiro Neto. Tratava-se de um homem admirável, empreendedor, e que fez muito pelo nosso estado. Como Ministro da Agricultura e Deputado Federal, Armando demonstrou todo o seu potencial e disposição ao contribuir para o desenvolvimento de Pernambuco. Apresento meus sinceros sentimentos a toda família e amigos. Que Deus conforte a todos”.

Senador Humberto Costa desconversa sobre apoio a Odacy Amorim para governador

O líder do Partido dos Trabalhadores no Senado, Humberto Costa, esteve presente na sessão ordinária da Câmara de Vereadores de Petrolina nesta quinta-feira (28). O senador está na cidade para se reunir com representantes do partido do Sertão do Araripe e do São Francisco.

Durante entrevista à imprensa, Humberto desconversou sobre um possível apoio ao deputado estadual Odacy Amorim (PT) que externou o seu desejo de disputar as eleições de 2018 para governador. Segundo o senador, até o momento não há nenhuma posição sobre o assunto, já que o principal assunto dentro da legenda é a candidatura do ex-presidente Lula

(Foto: Blog Waldiney Passos)

“O partido garante que todos os filiados em condições de disputar as eleições podem se apresentar para uma disputa interna. A iniciativa da candidatura de Odacy foi dele e das pessoas que o acompanham. É um excelente parlamentar, uma pessoa cuja prática política sempre foi marcada pela ética, pela decência e pode ser candidato. Agora eu não tenho uma posição firmada sobre isso. Primeiro vamos definir o roteiro nacional, nossa principal preocupação é com Lula”.

A reunião com representantes do partido deve acontecer ainda nesta quinta-feira (28). O líder do PT no Senado afirmou que deve tratar dessa possibilidade de candidaturas durante o encontro. “Vamos fazer uma reunião com representantes do PT do Araripe e do São Francisco para trazermos os informes da reunião do diretório nacional, a nossa mobilização para o dia 24 e conversar sobre a sucessão estadual, essa possibilidade de candidaturas locais”.

Prefeituras de Afrânio e Ouricuri devem implantar cintas luminosas em animais soltos nas estradas

Animais receberão cintas luminosas. (Foto: ASCOM)

Os municípios de Afrânio e Ouricuri, ambos em Pernambuco, fecharam parceria com o deputado estadual Odacy Amorim (PT) para colocação de cintas luminosas em animais soltos nas estradas. O objetivo é diminuir o número de acidentes de trânsito envolvendo animais.

“Trata-se de uma iniciativa simples, mas extremamente importante, que irá preservar muitas vidas. Só quem percorre as estradas sertanejas é que sabe o perigo que enfrenta. Se conseguirmos, através deste projeto, salvar ao menos uma vida, tudo já terá valido a pena. Agradeço aos prefeitos Rafael Cavalcanti e Ricardo Ramos pelo apoio, e iremos, com certeza, em busca de novas adesões ao nosso projeto.”

Odacy tem atuado nos últimos anos para tentar diminuir os acidentes ocorridos nas estradas sertanejas. Em 2013, através da criação do Parque Ecológico de Proteção ao Jumento, houve uma redução de mais de 80 % na ocorrência de acidentes envolvendo animais.

Odacy Amorim propõe debate sobre preço da gasolina em Petrolina

Deputado não está satisfeito com valores cobrados na cidade. (Foto: ASCOM)

O deputado Odacy Amorim (PT) voltou a questionar, na Reunião Plenária desta quarta-feira (22), o valor elevado da gasolina nos postos de Petrolina, no Sertão do São Francisco. Segundo ele, o litro do combustível custa cerca de R$ 4,50, um dos preços mais caros do País. O petista pediu à Comissão de Finanças da Casa que debata o assunto com a Petrobras, a BR Distribuidora, a Secretaria Estadual da Fazenda, o Ministério Público e empresários do setor.

De acordo com Amorim, na cidade vizinha de Juazeiro, na Bahia, o litro de gasolina custa R$ 0,25 a menos. Ele afirmou, ainda, que muitos motoristas estão deixando o carro na garagem e utilizando motos para se deslocar, o que aumenta o risco de acidentes graves.

“A gente precisa discutir se isso tem a ver com o imposto, apenas, ou se há um abuso da BR e das outras distribuidoras. Não é justo o povo de Petrolina pagar a gasolina mais cara do Brasil”, disse o deputado, que indicou a possibilidade de criação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para apurar informações sobre os preços dos combustíveis.

Odacy Amorim reclama de preço de combustível abusivo em Petrolina

Deputado criticou preços praticados pelos postos de combustíveis de Petrolina. (Foto: Internet)

O absurdo cobrado pelos postos da cidade de Petrolina pelo litro da gasolina foi alvo de denúncia do deputado Odacy Amorim (PT). A reclamação aconteceu durante pronunciamento do parlamentar no Pequeno Expediente desta terça-feira (14) na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe).

Odacy solicitou ao Governo do Estado que acompanhe a situação, já que a população tem pagado cerca de R$ 4,50 pelo litro da gasolina, valor superior ao praticado por postos de outros municípios.

“Faço um apelo ao governador para que fiscais do Estado acompanhem este tema. Sei que a questão passa pela livre negociação do mercado, mas é preciso verificar se a distribuidora tem cobrado mais caro para abastecer a região”, pontuou.

Chuvas

O deputado comemorou o início das chuvas no Sertão Pernambucano. De acordo com Odacy, o distrito de Rajada, em Petrolina, e outras áreas registraram, recentemente, índices satisfatórios de precipitações. Ele defendeu, no entanto, maior discussão sobre o uso das águas armazenadas nas barragens.

“Em 2004, a Barragem de Sobradinho encheu com um bom volume de chuvas, mas a concessionária aumentou a vazão para produzir mais energia. Ao final do ano, o reservatório tinha apenas 25% de sua capacidade”, lamentou.

Odacy Amorim critica Banco do Brasil em Pernambuco pelo fechamento da agência de Orocó

Na tarde de ontem o deputado Odacy Amorim (PT) foi a tribuna da ALEPE protestar contra a Superintendência do Banco do Brasil em Pernambuco pelo fechamento da agência de Orocó, região do São Francisco. Após a instituição ter sofrido vários assaltos na localidade, o BB decidiu que a unidade será desativada.

“Essa decisão irá causar um grande prejuízo para o município, pois as pessoas farão seus saques em outras cidades e deixarão de consumir os produtos de Orocó”, acredita. O parlamentar pediu ao governador Paulo Câmara que mantenha diálogo com a Superintendência do BB para reverter a decisão. “Um banco oficial não pode simplesmente fechar uma agência e deixar o povo na mão”, disse Odacy.

Pernambuco: sinalizadores são colocados em jumentos para diminuir acidentes em estradas

(Foto: Internet)

O deputado estadual Odacy Amorim (PT) criou uma medida paliativa para diminuir os acidentes com jumentos nas estradas do Sertão Pernambucano. Sinalizadores serão colocados nos animais para alertarem motoristas que transitam pelas rodovias do estado.

“Diante das dificuldades e da impossibilidade de retirada de todos os bichos das estradas, criamos um mecanismo que permite a identificação dos animais nas BRs ainda numa distância segura, havendo tempo para que o condutor evite a colisão e possa preservar a vida humana e também a animal. Trata-se de uma medida paliativa, mas que vem para ajudar a diminuir ainda mais, a curto prazo, as ocorrências”, disse Odacy.

Dados da Polícia Rodoviária Federal no estado apontam que com a retirada de parte dos jumentos para serem abrigados no Parque Ecológico fundado pelo parlamentar, houve uma redução de quase 90% de acidentes no últimos três anos que seriam provocados pelos jumentos nas rodovias federais que cortam o Sertão do estado.

Odacy Amorim participa de reunião sobre possibilidade de despejo das famílias que produzem no Pontal

Na oportunidade, Odacy destacou o seu comprometimento com as famílias do pontal. (Foto: ASCOM)

Neste domingo (24), o deputado estadual Odacy Amorim (PT/PE) participou de reunião com as famílias dos trabalhadores rurais do Acampamento Democracia. A pauta do encontro foi a discussão de soluções para a possibilidade de despejo das pessoas que residem no Pontal.

Ao lado do senador Humberto Costa, dos vereadores petistas Gilmar Santos e Cristina Costa, de diversas lideranças e amigos, o deputado pôde ouvir sugestões e tratar de ações que resolvam o impasse.

Odacy destacou o seu comprometimento com as famílias do pontal, ressaltando o pacto realizado entre os trabalhadores e a Codevasf, quando ainda era vereador.

“Na época eu ainda era vereador, e na reunião com a Codevasf eu pedi para constar em ata essa garantia, da terra e da água. O superintendente da Codevasf na época, Dr. Hildo Diniz, acabou atendendo o nosso pedido. Não podemos permitir a retirada dessas famílias do Pontal, sem dar as garantias definidas para que elas possam produzir. Não há justiça no fato de retirar estas pessoas das terras que tanto cuidaram justamente no momento em que chega toda a infraestrutura necessária. É preciso acabar com essa ideia de que as pessoas da caatinga só possam cuidar da terra seca”.

Com um investimento total de cerca de R$ 300 milhões por parte do Governo Federal, a obra foi licitada no modelo de parceria publico-privada (PPP), porém o projeto não avançou. As famílias do Pontal conseguiram recentemente, na justiça, a suspensão da liminar de reintegração de posse do Projeto.

Odacy Amorim defende direitos das famílias que residem no Projeto Pontal

De acordo com o deputado, “Essas pessoas não têm tradição em ocupar terras”. (Foto: Internet)

O deputado estadual Odacy Amorim (PT/PE) proferiu discurso nesta segunda-feira (05), na Assembleia Legislativa, tratando da possibilidade de despejo das famílias que residem no Projeto Pontal. O parlamentar informou que os trabalhadores rurais estão ocupando o prédio da Codevasf, em Petrolina, em protesto contra o pedido judicial de reintegração de posse movido pela empresa e acatado pela Justiça.

Odacy ressaltou a gravidade da situação e apresentou sugestões que possam solucionar a questão. “Essas pessoas não têm tradição em ocupar terras. Elas trabalham com unhas e dentes para que as coisas aconteçam. Sugiro que seja nomeada uma comissão de deputados para que verifiquemos o que está acontecendo no Projeto Pontal, porque temo que possa ocorrer uma tragédia, pois as famílias se fixaram no local, produziram e valorizaram o espaço, investindo inclusive os seus poucos recursos. Sugiro ainda, se for o caso, a concessão de terras irrigadas aos agricultores como alternativa à remoção ordenada pela Justiça. O que não se pode é permanecer esta ideia de que as pessoas da caatinga só possam cuidar da terra seca”.

Segundo o deputado, as famílias que atualmente ocupam o espaço, de oito mil hectares às margens do rio, foram desapropriadas de seus lotes em 2013, com a promessa de que poderiam retornar à área quando concluída a implantação do projeto.

A obra, no entanto, licitada no modelo de parceria público-privada (PPP), não teria avançado porque a empresa vencedora do processo não conseguiu investir o prometido. Os agricultores então retornaram à região e passaram a produzir no local.

“Não há justiça no fato de retirar estas famílias das terras que tanto cuidaram justamente no momento em que chega toda a infraestrutura necessária. É preciso respeito com o sertanejo, que deposita todo o seu tempo, recursos e vontade na produção agrícola”, lamentou o deputado.

12345