Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Após incidente envolvendo Guarda Municipal, Cristina Costa pede diálogo com secretário; pasta afirma que atitude de agentes foi correta

(Foto: Ascom)

Na sessão de quinta-feira (14) na Casa Plínio Amorim, Cristina Costa (PT) leu uma carta de uma petrolinense que presenciou a atuação de alguns agentes da Guarda Civil Municipal em um incidente registrado no Restaurante Popular na quarta-feira (13).

Os agentes usaram spray de pimenta em público, para conter um homem supostamente embriagado que estava na fila de acesso ao restaurante, mas o químico do spray atingiu pessoas que aguardavam para almoçar. “Essa nova medida foi colocada em prática agora na gestão do prefeito Miguel Coelho, o secretário que ele trouxe de Recife instituiu o spray de pimenta [na cidade]. Eu já fui vítima, não que ele colocou contra mim, mas para combater trabalhadores”, afirmou em discurso na Câmara.

Em entrevista ao Blog, a vereadora disse ser necessário chamar o secretário de Segurança Pública, José Silvestre, para se esclarecer a situação e evitar que a imagem da Guarda fique manchada. “A gente precisa ter uma condução de como melhorar, para não estragar a imagem da Guarda Municipal”, relatou Costa.

LEIA MAIS

Oposição comemora conquista de espaço nas Comissões da Câmara de Petrolina

Bancada da oposição começou 2019 em alta (Foto: Blog Waldiney Passos)

A celeuma das Comissões Permanentes da Câmara de Petrolina chegou ao fim na segunda-feira (11) quando foi batido o martelo e anunciada a presidência de cada segmento. Para surpresa de muitos a oposição conseguiu espaço e saiu fortalecida, emplacando três presidências das nove possíveis.

Gabriel Menezes (PSL) será o presidente da Comissão de Agricultura, Interior e Meio Ambiente; Gilmar Santos (PT) assume a Comissão de Direitos Humanos e Cidadania, cuja relatoria será de Paulo Valgueiro (MDB); Cristina Costa (PT) foi escolhida presidente da Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher.

LEIA TAMBÉM:

Fora das comissões, Aero Cruz afirma que cedeu espaço a colegas de bancada

Além das presidências a bancada terá ainda a relatoria da Comissão de Educação, Cultura, Esporte e Juventude, com Costa; e duas secretarias, uma em Agricultura, Interior e Meio Ambiente, com Elismar Gonçalves (MDB) e outra com Valgueiro na Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher.

LEIA MAIS

Projeto de Lei de Cristina Costa cobra transparência sobre multas de trânsito em Petrolina

(Foto: Blog Waldiney Passos)

Transparência. Esse é o objetivo do projeto de Lei nº 005/2019, apresentado pela vereadora Cristina Costa (PT) na sessão dessa terça-feira (12) na Casa Plínio Amorim. A matéria determina a “divulgação no Portal da Transparência da destinação de valores de multas de trânsito para cada área beneficiada”.

O PL deu entrada nas comissões competentes e deverá ser analisado pelos colegas ainda nesse semestre. Pelo texto o Poder Executivo fica obrigado a divulgar mensalmente a destinação dos valores arrecadados com multas de trânsito aplicadas pela Autarquia Municipal de Mobilidade de Petrolina (AMMPLA).

“O objetivo desse projeto de lei é que haja a divulgação no Portal da Transparência da destinação desses valores e vamos ter a oportunidade de saber qual o rendimento das multas, como está sendo destinado. Com o projeto de lei a gente quer contribuir”, destacou.

Para a vereadora esse projeto dá voz a uma cobrança da comunidade petrolinense. “Essa demanda surgiu dentro da reivindicação da população de Petrolina, alguns questionamentos, muita gente que procura o vereador, seja de oposição, seja de situação pra tentar tirar essa multa. Outros colocam que é muita multa dentro do município, que a atuação da guarda de trânsito é só para multar”, justificou a petista.

Áureo Cisneiros é eleito presidente da Federação Interestadual de Trabalhadores Policiais Civis do Nordeste

Áureo recebeu importante apoio dos colegas (Foto: Reprodução/Youtube)

O nome de Áureo Cisneiros, presidente do Sindicato dos Policiais Civis de Pernambuco (SINPOL-PE) recebeu apoio de colegas de farda do Nordeste. Na semana passada, durante um congresso realizado em Recife, Áureo foi eleito presidente da Federação Interestadual de Trabalhadores Policiais Civis do Nordeste (Feipol-NE).

LEIA TAMBÉM:

Policiais Civis de todo o Brasil confirmam participação de ato contra a demissão de Áureo Cisneiros nesta quinta-feira

Áureo vem sendo ameaçado demissão pelo Governo de Pernambuco, já que é um dos principais opositores a Paulo Câmara (PSB), tendo inclusive se candidatado a deputado estadual em outubro. Para concorrer ao cargo legislativo o policial civil precisou se descompatibilizar do cargo público, contudo teria sido forçado a procurar o setor de Recursos Humanos para deixar a polícia.

Na sessão de quinta-feira (7) na Câmara de Vereadores de Petrolina a vereadora Cristina Costa (PT) mostrou apoio a luta de Áureo. “Como sindicalista eu não posso ficar calada com o que o Governo do Estado está fazendo. Quero ser solidária”, afirmou.

Em um vídeo enviado ao Blog, Áureo reafirmou que a luta por melhorias à Polícia Civil continuarão. Confira a seguir:

LEIA MAIS

Aero Cruz reconhece falta de “harmonia” entre vereadores da bancada governista

Líder do governo reconheceu falta de harmonia na bancada (Foto: Blog Waldiney Passos)

Depois de Cristina Costa (PT) criticar publicamente a disputa dos vereadores da bancada governista pela presidência das Comissões Permanentes da Casa Plínio Amorim, o líder da situação, Aero Cruz (PSB) reconheceu que a relação entre os pares não está fluindo como deveria.

LEIA TAMBÉM:

Cristina Costa critica vereadores da situação por brigas para assumir comissões

Após a sessão dessa quinta-feira (7) ele concedeu entrevista coletiva e negou “racha” na base, porém, reconheceu que há desarmonia. “Não está em uma certa harmonia, mas nós vamos procurar conversar, articular para que a gente tenha harmonia”, ressaltou.

Na visão do líder governista, após a decisão sobre as Comissões Permanentes os palanques deverão ser desmanchados e os vereadores voltarão a se entender. “Quando isso daqui terminar a gente desmancha o palanque e vamos trabalhar para o prefeito”, finalizou.

Cristina Costa critica vereadores da situação por brigas para assumir comissões

(Foto: Blog Waldiney Passos)

A decisão sobre as comissões da Câmara de Vereadores de Petrolina vem dando o que falar nos bastidores da Casa Plínio Amorim. E Cristina Costa (PT) usou a palavra durante a sessão de hoje (7) para fazer uma crítica a bancada governista.

A fala de Costa foi direcionada aos 17 membros da situação que, segundo ela, estão brigando pelo poder das comissões. Em especial a comissão de Redação e Justiça, uma das mais importantes da Casa Plínio Amorim.  “É uma briga de ego, uma briga pelo poder. Isso não pode acontecer aqui, quem tiver capacidade vai conquistar os votos”, afirmou a petista.

Costa foi enfática e ressaltou que os membros da oposição estão fora dessa disputa, porque sabem o que cabe a eles dentro do legislativo. “É preciso que se faça uma autoavaliação. Aqui não tem nenhum vereador para ser presidente da comissão. É preciso que a bancada do prefeito se reúna e discuta isso [internamente]”, pontuou.

Petrolina: morre aos 98 anos pai do ex-vereador Geraldo da Acerola

Além de Geraldo, seu José tinha mais 12 filhos (Foto: Blog Waldiney Passos)

José Ferreira da Silva, pai do ex-vereador de Petrolina Geraldo da Acerola (PT) morreu nessa quinta-feira (17), aos 98 anos. Seu José estava internado há 14 dias devido a problemas respiratórios e cardíacos. O velório está acontecendo na Rua C, número 8, no Projeto Senador Nilo Coelho – Núcleo 09.

O sepultamento está marcado para amanhã (18), às 10h no Cemitério Campo da Paz. Em nota, a vereadora Cristina Costa (PT), companheira de partido de Geraldo lamentou a morte de seu José, descrito por ela como “um guerreiro”.

“Lamentamos profundamente o falecimento do Senhor José Ferreira da Silva, pai do nosso companheiro do Partido dos Trabalhadores, ex vereador, Geraldo da Acerola. Nos solidarizamos com toda a família, e abraçamos fortemente o companheiro Geraldo nesse momento de luto”, afirma a nota.

Seu José nasceu em Triunfo (PE) e adotou Petrolina como cidade há 32 anos. Personalidade conhecida no N9, deixa 13 filhos, 40 netos e vários bisnetos.

Gaturiano coloca ponto final em polêmica com Cristina Costa: “o pedido de desculpa da senhora foi aceito”

(Foto: Blog Waldiney Passos)

O vereador Gaturiano Cigano (PRP) terminou o ano colocando um ponto final na rusga com a vereadora Cristina Costa (PT). O edil ficou descontente com um comentário emitido pela petista durante a votação da reforma administrativa proposta pela Poder Executivo de Petrolina.

Usando a Tribuna Livre na última sessão de 2018 Gaturiano aceitou o pedido público de desculpas da colega e justificou o porquê da sua reação. “O pedido de desculpa da senhora foi aceito, a senhora sabe do respeito e do carinho que eu sinto pela senhora. Me exaltei naquele momento porque eu sei da dificuldade que eu senti durante a campanha para poder estar aqui. Levei o nome de ladrão, que cigano é matador”, explicou.

LEIA TAMBÉM:

Bancada da oposição cita “pegadinhas” na reforma administrativa; fala de Cristina gera incômodo em colegas da situação

Durante a votação da reforma Cristina fez uma afirmação pesada contra os membros da situação, alegando que eles são subservientes ao prefeito Miguel Coelho e recebem dinheiro para aprovar as matérias do Executivo. Gaturiano não gostou da afirmação, mas reconheceu que se exaltou.

“Se me exaltei com a senhora peço desculpas. [Gostaria] de dizer pra senhora que a senhora tem todo meu respeito. Se eu errei em algum momento peço desculpas a senhora”, finalizou.

Aero Cruz discursa na Câmara em tom de despedida: “O futuro a Deus pertence”

Líder da situação desde o primeiro semestre de 2018 o vereador Aero Cruz (PSB) fez um discurso na quinta-feira (20) que chamou a atenção dos colegas de Câmara. A sessão foi a última do ano e o edil falou em tom de despedida, deixando em aberto o seu futuro na Casa Plínio Amorim.

“[Quero] Agradecer primeiramente a Deus por estar aqui nessa Casa como vereador, procurando fazer minha parte. Quero agradecer a confiança do prefeito Miguel Coelho, aonde me entregou a liderança da bancada, agradecer a confiança do senador Fernando Bezerra, do deputado Antônio Coelho, do deputado federal Fernando Filho e a cada um dos vereadores dessa Casa, quero dizer que aprendi muito aqui nos debates”, destacou.

Possível saída

A fala de Aero foi entendida pelos colegas como um até breve, deixando subentendido sua saída da Câmara para assumir alguma secretaria na gestão de Miguel Coelho. “Que o senhor faça um belíssimo trabalho e não esqueça que 2020 vem aí, todos no mesmo caminho e desejo boa sorte”, discursou Ronaldo Silva (PSDB).

LEIA MAIS

Companheiros de partido destacam história de Maria José, primeira vereadora do PT em Petrolina

(Foto: Blog Waldiney Passos)

A ex-vereadora de Petrolina entre 1989 e 1992, Maria José Farias morreu no domingo (23), em decorrência de complicações após uma cirurgia de gastrostomia. Ela foi a primeira edil eleia pelo Partido dos Trabalhadores (PT) na cidade.

Cristina Costa e Gilmar Santos, ambos do PT utilizaram suas redes sociais para lembrar o legado de Maria José na cidade. Costa afirmou que o legado da companheira de partido é “um exemplo para trabalhadoras, mulheres, militantes e companheiras do PT”.

Gilmar lembrou o início da luta de Maria José nas bases da Igreja Católica e a classificou a ex-vereadora como “mulher de coragem e espirito acolhedor, jamais abandonou o compromisso com a luta dos trabalhadores e trabalhadoras”.

Cristina Costa celebra vitória na Justiça, Manoel afirma que ainda há processos em julgamento

Edis se envolveram em confusão durante programa (Foto: Blog Waldiney Passos)

A última sessão de 2018 na Casa Plínio Amorim foi marcada pela notícia de que o vereador Manoel da Acosap (PTB) foi condenado em primeira instância no processo contra a colega Cristina Costa (PT), em relação a um caso registrado em 2017.

Costa usou a Tribuna Livre para publicizar o resultado expedido pelo Juiz de Direito Paulo de Tarso, do Juizado Especial Criminal de Petrolina, na qual fica determinada a detenção de três meses ou serviço comunitário ou pagamento de salários mínimos a Manoel por agredir fisicamente a vereadora. Segundo a edil não houve prazer em ler a sentença e seu gesto foi uma forma de mostrar que “ninguém está acima da lei”.

LEIA TAMBÉM:

Manoel da Acosap é condenado a pagar 10 salários mínimos para Cristina Costa após confusão

Exemplo às vítimas

Em conversa com a imprensa a vereadora disse que o processo em questão foi movido por Manoel, alegando que ele teria sido agredido por ela e espera que a decisão sirva de exemplo para outras mulheres. “Essa condenação vem fazer com que as mulheres que são agredidas pelos homens possam não baixar a cabeça. [Agi] Como mulher parlamentar, para dar exemplo para as mulheres que não tem força, ninguém está acima da lei. Eu fiz esse anúncio as mulheres, nós não podemos ser submissas”, disse Costa.

LEIA MAIS

Manoel da Acosap é condenado a pagar 10 salários mínimos para Cristina Costa após confusão

Manoel da Acosap fala à imprensa sobre sentença. (Foto: Blog Waldiney Passos)

Foi divulgada no início desta semana no Diário de Justiça do Estado de Pernambuco, a sentença em desfavor do vereador Manoel da Acosap (PTB), pelo crime de lesão corporal contra a vereadora do Partido dos Trabalhadores (PT), Cristina Costa.

Após confusão, durante entrevista no programa “Super Manhã” na Rádio Jornal, com Waldiney Passos, no dia 06 de janeiro de 2017, a Vereadora Cristina Costa entrou com um processo na Justiça acusando o parlamentar de lesão corporal. O episódio polêmico de troca de agressões, aconteceu após uma discussão sobre os atrasos nos salários dos servidores de Petrolina (PE).

LEIA TAMBÉM:

Após discussão, vereadores Cristina Costa e Manoel da Acosap trocam agressões

Ouça áudio da discussão entre Cristina Costa e Manoel da Acosap durante entrevista na Rádio Jornal

Vereadora Cristina Costa registra Boletim de Ocorrência na delegacia de polícia contra Manoel da Acosap

A sentença foi dada pelo Juiz de Direito Paulo de Tarso Duarte Menezes da 2ª Vara do Juizado Especial Criminal da Comarca de Petrolina. Na decisão o Juiz considerou que o fato, mesmo violento, é de menor potencial ofensivo, e ainda ressaltou que o réu não é reincidente. Nestas circunstância, o Juiz resolveu substituir a pena de três meses de detenção, por uma multa no valor de 10 salários mínimos.

LEIA MAIS

Em dia de requerimentos da oposição, Cristina Costa pede informações sobre procuradores e assessores jurídicos da Prefeitura de Petrolina

Edil considera ilegal determinação de salário via decreto do prefeito (Foto: Blog Waldiney Passos)

Uma das principais críticas da reforma administrativa da Prefeitura de Petrolina, a vereadora Cristina Costa (PT) voltou a cobrar transparência do Poder Executivo na sessão dessa terça-feira (18) na Casa Plínio Amorim. A edil que na quinta-feira passada criticou alguns pontos do projeto enviado à Câmara no que diz respeito aos procuradores municipais voltou a tocar no assunto.

Cristina apresentou o Requerimento nº 286/2018 no qual solicita ao prefeito Miguel Coelho informações acerca da quantidade de procuradores ativos em Petrolina e a quantidade de assessores jurídicos.

LEIA TAMBÉM:

Bancada da oposição cita “pegadinhas” na reforma administrativa; fala de Cristina gera incômodo em colegas da situação

Reforma administrativa da Prefeitura de Petrolina é aprovada com questionamentos da oposição

“[Queremos] a relação da quantidade de procuradores ativos e também a quantidade de assessores jurídicos, que possa ser encaminhado à essa Casa Legislativa, colocando os nomes e cargo de atuação”, destacou a edil.

Para a petista as informações contribuem para o processo democrático e transparência da gestão administrativa, já que pela reforma os salários desses servidores será determinado via decreto pelo prefeito, o que para Cristina é ilegal. O pedido foi aprovado por 18×0.

Bancada da oposição cita “pegadinhas” na reforma administrativa; fala de Cristina gera incômodo em colegas da situação

(Foto: Ascom/CMP)

Todos os nove projetos de lei colocados em votação na sessão de quinta-feira (13) na Câmara de Vereadores de Petrolina foram aprovados. A maior parte do debate foi voltado às matérias do Executivo, em especial o PL nº 076/2018, cuja proposta é a reformulação da estrutura administração da Prefeitura de Petrolina.

Conforme o Blog publicou ontem, a matéria foi aprovada por 14 votos a 5 na segunda votação, tendo votos contrários da bancada da oposição na primeira discussão. As principais críticas foram de Cristina Costa (PT). Ela questionou diversos pontos do PL e foi dura com seus pares da bancada governista.

“Eu faço papel de legisladora, estou oposição. Observem como o Legislativo está comprometido. Estou chamando atenção para a autonomia do Legislativo, como pode o Legislativo [sentar] pianinho [a reforma]? Eu amo esse Poder, eu visto a camisa desse Poder, mas eu não visto a camisa da subserviência, eu não visto da camisa da imoralidade”, afirmou.

A fala de Cristina gerou uma reação em cadeia. Gaturiano Cigano (PRP) afirmou que a acusação da colega de que os edis são comprados pelo Executivo é “muito séria e que vai ter que provar que a gente recebeu dinheiro, aqui tem homem de verdade“. Zenildo Nunes (PSB) disse que não se pode “jogar essa Casa na lama”. Foi então que Cristina esclareceu sua fala. “Vossas excelências têm todo direito de tomar as medidas cabíveis que acham que tenham direito, aos que se sentiram ofendidos eu peço desculpas pela vergonha alheia”.

LEIA MAIS

Reforma administrativa da Prefeitura de Petrolina é aprovada com questionamentos da oposição

(Foto: Blog Waldiney Passos)

Os cinco projetos de lei apresentados pelo Poder Executivo nessa quinta-feira (13) foram aprovados pelos vereadores de Petrolina. Votado em separado das demais matérias, a reforma administrativa da Prefeitura dividiu situação e oposição.

Cristina Costa (PT) foi uma das mais críticas ao projeto de lei nº 076/2018. Para a vereadora, faltam informações da gestão administrativa a respeito da gratificação aos procuradores, cuja remuneração é determinada via decreto, o que não é permitido.

LEIA TAMBÉM:

Reforma administrativa da Prefeitura entra na pauta da Casa Plínio Amorim

Petrolina: Executivo encaminha para Câmara projeto que altera estrutura administrativa da prefeitura

No início da sessão ela havia pedido a retirada da matéria, mas não foi atendida. A petista também apresentou emendas as quais foram rejeitadas pela bancada governista. Além de Cristina, Gilmar Santos (PT), Paulo Valgueiro (MDB), Domingos de Cristália (PSL) e Gabriel Menezes (PSL) foram contrários ao projeto na primeira votação. Na segunda e última, a reforma foi aprovada por 14×5 votos e segue para sanção do prefeito Miguel Coelho.

A reforma administrativa prevê a extinção de secretarias, a exemplo da pasta de Desenvolvimento Econômico e Agrário, cujo secretário é o vereador licenciado José Batista da Gama (PSB) e a junção de Cultura, Turismo e Esportes à Educação.

123